America LatinaEspañolPoesia

Travel Songs III: Mama Africa et Respeitem (Arna’ Prete vs Chico Cesar)+A Luz de Tieta feat Caetano

 30/07/2012  Pubblicato da: 
[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=vJ5oQ6su3tg]
Others (more brazilian music) by Arnaldo Prete Alias VATAPA’ de FRUTA PAO – NEW WEB SITE LINK 

Ascolta – Listen To – Escucha MAMA AFRICA de CHICO CESAR Arna’ Prete Smashing Version DIRECT LINK 
[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=8Dxm4mk06Xc&feature=related]
A luz de Tieta by Caetano Veloso

Todo dia é o mesmo dia
A vida é tão tacanha
Nada novo sob o sol
Tem que se esconder no escuro
Quem na luz se banha
Por debaixo do lençol…

Nessa terra a dor é grande
A ambição pequena
Carnaval e futebol
Quem não finge
Quem não mente
Quem mais goza e pena
É que serve de farol…

Existe alguém em nós
Em muitos dentre nós
Esse alguém
Que brilha mais do que
Milhões de sóis
E que a escuridão
Conhece também…

Existe alguém aqui
Fundo no fundo de você
De mim
Que grita para quem quiser ouvir
Quando canta assim…

Toda noite é a mesma noite
A vida é tão estreita
Nada de novo ao luar
Todo mundo quer saber
Com quem você se deita
Nada pode prosperar…

É domingo, é fevereiro
É sete de setembro
Futebol e carnaval
Nada muda, é tudo escuro
Até onde eu me lembro
Uma dor que é sempre igual…

Existe alguém em nós
Em muitos dentre nós
Esse alguém
Que brilha mais do que
Milhões de sóis
E que a escuridão
Conhece também…

Existe alguém aqui
Fundo no fundo de você
De mim
Que grita para quem quiser ouvir
Quando canta assim…

Êta!
Êta, êta, êta
É a lua, é o sol é a luz de tiêta
Êta, êta!…(2x)

Existe alguém em nós
Em muitos dentre nós
Esse alguém
Que brilha mais do que
Milhões de sóis
E que a escuridão
Conhece também…

Existe alguém aqui
Fundo no fundo de você
De mim
Que grita para quem quiser ouvir
Quando canta assim…

Toda noite é a mesma noite
A vida é tão estreita
Nada de novo ao luar
Todo mundo quer saber
Com quem você se deita
Nada pode prosperar…

É domingo, é fevereiro
É sete de setembro
Futebol e carnaval
Nada muda, é tudo escuro
Até onde eu me lembro
Uma dor que é sempre igual…

Existe alguém em nós
Em muitos dentre nós
Esse alguém
Que brilha mais do que
Milhões de sóis
E que a escuridão
Conhece também…

Existe alguém aqui
Fundo no fundo de você
De mim
Que grita para quem quiser ouvir
Quando canta assim…

Êta
Êta, êta, êta
É a lua, é o sol é a luz de tiêta
Êta, êta!…(4x)

Pic: Chico Cesar’s Guitar in Vatapa’s Hands!

Pubblicato da:  In Categoria: America Latina, Español, Poesia

Comment here